Skip to content

Entrevista: Mica Rocha e Lelê Saddi

12/06/2013

MicaRocha-LelêSaddi

Elas são lindas, ricas, carismáticas, talentosas e bem-sucedidas. Aos 25 anos, as empresárias Lelê Saddi e Mica Rocha acumulam elogios e são donas de currículos de dar inveja em muita gente. A dupla, cansada da tão banalizada plataforma de blogs, resolveu fazer diferente. Criaram uma revista eletrônica, com um time de colaboradores ao redor do mundo todo, produzindo matérias sobre moda, beleza, comportamento, cultura, culinária e turismo. “Nossos colaboradores são indispensáveis, afinal, uma revista eletrônica não se faz sozinha”, explica Mica. E não se faz mesmo. Ao total, são seis pautas por dia, todas revisadas e analisadas pelos olhos atentos e apurados das paulistas.

Fiz uma entrevista muito bacana para a Clock 51, que achei válido publicar aqui também. Elas contaram suas trajetórias profissionais, os segredos para ser uma pessoa bem sucedida, e revelaram seus próximos planos. Muitas novidades chegando por aí, isso já podemos adiantar! Confiram abaixo:

1- Contem um pouco como foi a trajetória profissional de vocês, até chegarem à posição que estão hoje em dia

Lelê: Meu primeiro trabalho foi um estágio na redação do site Glamurama, da Joyce Pascowitch. Fiquei lá durante seis meses e depois fui convidada pela Eliana Tranchesi para estagiar na área de Marketing da Daslu, aonde era responsável pelo site e seu conteúdo. Foi lá também que comecei meu blog e aprendi quase tudo que sei! Fui efetivada como coordenadora de marketing. No total foram três anos na Daslu. Também fui Relações Públicas da HOPE durante um ano.

Mica: Você tem uns cinco anos para ouvir? (risos). Foi e é longa, nunca acho que cheguei onde quero, mas claro que vejo claramente aquela subida animadora nesse processo. Eu trabalhei com moda muito tempo, fui vendedora e cheguei até o cargo de compradora do importado da Daslu. Nesse período comecei a fazer vídeos para o Blog da Lelê. Naquela época não existia muito essa história de vídeos na internet, e acho que por isso foi um sucesso. Logo depois eu vi que era apaixonada por apresentar, entrevistar e estar diante das câmeras. Saí da Daslu, onde já tinha minha independência financeira e parti para um novo sonho. Sabia que tinha que dar alguns passos para trás para atingir o meu objetivo de vida. Foi muito gratificante galgar tudo isso sozinha. Nunca tive ajuda de ninguém, me virava para escrever, editar e apresentar meus vídeos sozinha. Fiz o meu antigo site (micarocha.com.br) somente de vídeos. Lá eu tinha quadros de culinária, viagens, entrevistas, etc. Depois de um ano eu queria mais, me juntei com a Lelê (amiga de vida e sócia) e criamos uma revista eletrônica que tem um pouco de tudo, inclusive meus vídeos que amo fazer! Fora da internet eu entrei na Band, me chamaram por causa do meu site. Entrei em um canal de TV aberta com pouca experiência e em pouco tempo, mais uma vitória! Fiz o Claquete do Otávio Mesquita e o Muito + com a Adriane Galisteu. Foi maravilhosa a experiência. Agora estou rumo ao meu programa de TV, dedos cruzados porque aí vem!

2- Vocês são workaholics assumidas, certo? Quais são os elementos chave para uma vida profissional plena? E como vocês conseguem conciliar a correria do dia a dia com a vida pessoal?

Lelê: Sou uma workaholic saudável. Acho que a palavra workaholic remete a algo um pouco doentio e obsessivo. Eu trabalho porque amo trabalhar, amo o que faço. Trabalho feliz e por prazer! Não sei o que seria da minha vida sem trabalho, pois me realiza e me preenche. E sempre conseguimos conciliar tudo quando queremos! Quanto mais coisa você tem pra fazer, melhor você se organiza. E eu sou assim, sei organizar o meu tempo da melhor forma. E tenho meus finais de semana, minhas férias, namorado, amigos, família… E ainda moro sozinha e cuido da minha casa!

Mica: Não sei se sou workaholic. Acho que não… Eu sou muito apaixonada pelo meu trabalho, mas tenho meus momentos de lazer. Para uma vida profissional e pessoal plena, não se pode ser focada em uma coisa só. Preciso dividir meu tempo, gosto de fazer ginástica, Yoga, ficar com meu namorado, tirar umas férias… Acho que precisamos de tudo isso para trabalhar bem!

3- Como surgiu a ideia de criar o We Pick? Algum dia vocês imaginaram que ele seria o sucesso que é atualmente?

Lelê: A ideia de criar o We Pick surgiu entre eu e a Mica, pois queríamos um espaço na internet que pudéssemos falar sobre lifestyle e ser uma revista eletrônica. Cheia de conteúdo, como vídeos, editoriais de moda (nossos shootings com celebridades) e muitas pessoas colaborando – como nossos colunistas, que agregam vários tipos de assunto. Sobre sucesso, acho que quando você começa um novo negócio você não imagina o que vai acontecer. Empreender é tomar riscos, e é isso que fazemos todos os dias. E o sucesso não é motivo para acomodação. Estamos cheias de novidades para esse ano. Sempre pensamos nos próximos passos!

Mica: Se não imaginasse, não teríamos feito (risos). Mas acho que não tinha ideia do que era gerir uma empresa. Gravar e fazer conteúdo são coisas que já faço há muito tempo, mas gerir seu negócio é outros quinhentos. Apanhamos muito até chegar aqui, então esse sucesso é merecido se comparado ao volume do nosso trabalho. As pessoas acham que você acorda famosa, rica e com um case de sucesso nas mãos. Estão redondamente enganados. Nós perdemos e ganhamos todos os dias, o importante é que no final nosso resultado é positivo!

4- O We Pick tem uma redação fixa ou os redatores são espalhados ao redor do país? E como vocês separam o trabalho de cada um? Fazem muitas reuniões de pauta?

Lelê: Temos uma redação fixa em São Paulo, além de diversos colaboradores pelo país. Os colunistas já têm seus temas específicos, como por exemplo, a chefe de cozinha Luiza Zaidan, que fala sobre culinária. Mas com a nossa equipe interna, fazemos reuniões de pautas semanais.

Mica: Nós temos a Barbara e a Luiza, duas mulheres lindas e competentes, que estão 24 horas conosco, ajudando na formação de pauta (seis por dia)! Os outros colaboradores estão pelo mundo, temos em NY e pelo Brasil todo. Eles são indispensáveis e amamos ter mais gente contribuindo para o We Pick, afinal, uma revista eletrônica não se faz sozinha!

5- Como é a rotina profissional de vocês?

Lelê: Não tenho uma rotina fixa, mas vou praticamente todos os dias para o escritório. Toda semana temos eventos e muitas reuniões. Ou seja, cada hora em um canto! Mas é assim que gostamos.

Mica: Super instável! Fico menos tempo no escritório do que a Lelê, pois gravo minhas matérias durante a semana. Eu amo essa rotina sem ser rotina. Há finais de semana que gravo sem parar, mas também tem dias de semana que consigo me dedicar as coisas que amo, como ginástica, Yoga, etc… Eu prezo muito pelo meu bem estar!

6- E pra finalizar: O que anda se passando na cabeça inquieta de Mica Rocha e Lelê Saddi? Muitos projetos pela frente?

Lelê: Nossas cabeças não param! Pensamos muito o dia inteiro. E como falei anteriormente, isso faz parte de empreender. Não podemos nos acomodar com o que está acontecendo hoje. Fora que queremos deixar o We Pick cada dia mais interessante e divertido para todos! Ainda esse ano vocês verão muitas novidades!

Mica: Nossa, essas cabeças realmente não param nunca! Estou animadíssima com um projeto de internet que sai ainda esse ano, com os desdobramentos do We Pick e com meu novo programa de televisão. Aguardem!

Gostaram?

Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. 23/06/2013 10:29 PM

    Thanks for sharing this fine article. Very inspiring! as always, btw

  2. 27/06/2013 8:04 AM

    Os seus fãs: Minha inspiração, eles são carinhosos, incríveis e é somente por eles que consigo me realizar no trabalho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: