Skip to content

O uso de pele no mercado fashion

19/08/2013

Fur Coat

Como todos sabem, o Instagram – que até então seria um aplicativo de compartilhamento de fotos – se tornou, da noite para o dia, um local de distribuição gratuita de agressividade. Seja lá sobre que assunto for – quem posta uma foto, está sujeito ao que vier.

As celebridades, e principalmente, as blogueiras de moda, estão no topo da lista. Quem segue alguma delas, com certeza já presenciou os ataques de xingamentos e as respostas (às vezes até piores que os insultos) das próprias. Mas semana passada, uma dessas discussões me chamou a atenção. Foi tão comentada, que vários prints das respostas começaram a rolar pela rede. A blogueira da vez? Lalá Rudge, a polêmica mor dos barracos digitais.

A questão da vez foi o uso de pele verdadeira – assunto tão polêmico quanto sua usuária. Na foto, Lalá aparece usando um colete de pele, da marca paulistana Lilly Sarti, e a partir então, começaram a chover comentários contra (e alguns a favor). Até aí ok. O problema foram as respostas que a blogueira deu a todos os insultos – o que atiçou ainda mais a ira dos seus seguidores. Confesso que fiquei chocada, e até meio enojada pela forma tão esnobe que ela tratou o assunto. E depois de ler milhares de comentários e discutir sobre o tema, senti a necessidade de falar sobre, e expor minha opinião.

LalaRudge

Voltando lá pra nossas aulas de história, sabemos que os homens das cavernas usavam pele de animais porque viviam em ambiente inóspito e eram desprovidos de recursos cognitivos que lhe possibilitassem a criatividade, certo? Nos dias de hoje, acredita-se que o homem seja mais inteligente (será?), e temos outros materiais que podem alimentar a vaidade (porque nota-se que isso é, sim, vaidade), sem o sacrifício de animais.

Estamos em uma era que a sustentabilidade e preocupação ambiental imperam, isso é fato. Uma marca que lança uma coleção lançando esse tipo de “tendência” está indo contramão da população. A moda gera desejos – ok. Trabalham o imaginário. Mas para tudo existem limites. Ou ninguém sabe que esse patamar da moda só promove ostentação e estimula o mercado paralelo?

Em primeiro lugar, o Brasil não tem um histórico cultural de uso de peles. E apesar disso, o comércio peleteiro é um negócio considerado promissor no nosso país. Somos o segundo maior produtor de pele de chinchila, atrás da Argentina. Os dados registram em torno de 500 fazendas abatendo animais e comercializando uma média de 40 mil peles por ano. A concentração de criadores de chinchila para peles está no sul do país, local de clima propício, já que as chinchilas têm origem na região fria e seca.

E, vamos combinar, não existe morte sem sofrimento. Os cativeiros são locais sem a menor condição de manter animais. E a forma com que são mortos é tão desumana que não preciso nem comentar – quem tem o mínimo de informação sabe do que estou falando. Não podemos, jamais, achar normal o sofrimento de animais e do meio ambiente em nome do consumo. É triste. É degradante. Quem ainda pensa dessa forma?

O que quero propor aqui é o questionamento. É o fazer pensar. Quero que quando você compre um produto, se questione: “O que estou comprando?”, “Porque estou comprando?”, “Qual a origem do meu produto?”, e “Qual será seu destino quando eu não precisar mais dele?”.

Essas reflexões são extremamente necessárias para trazer coerência em nossas decisões. Afinal, não se trata apenas de pele. Mas sim da morte de seres inocentes com o objetivo de servir ao ser humano. A vida dos animais não nos pertence, e o homem deveria utilizar sua inteligência para melhorar o planeta, e não estimular o mundano.

Informe-se!

Anúncios
16 Comentários leave one →
  1. 19/08/2013 2:40 AM

    Muito bem exposto Dani!! Beijos

  2. 19/08/2013 4:55 PM

    Dani acabei nem vendo esse bafafá todo no instagram mas achei um absurdo viu.
    No mundo atual, com todas as informações que temos, uma pessoa achar normal usar pele de animais me deixa assustada. E o pior é que várias pessoas pensam como ela.
    Infelizmente não vamos conseguir mudar o pensamento desse tipo de pessoa. Mas pelo menos estou fazendo minha parte, que é nunca usar, e criar meu filhos (quando tiver) sabendo que isso é errado.
    Beijo

    • 20/08/2013 2:16 AM

      Simm, fiquei impressionada que tem muita gente que concorda com ela!! Como pode, né???
      Mil bjsss

  3. mariangela permalink
    19/08/2013 5:38 PM

    Parabéns !!!!

  4. Ju Levandoski permalink
    19/08/2013 8:38 PM

    Vc é sempre muito feliz nas suas colocações !!!!! PARABENS
    Triste é pensar q pessoas com um poder de comunicação tao grande, a usam de maneira tão errada e fútil!!!

  5. 22/08/2013 12:35 AM

    or da pele? da sua pele? Ninguém sabe dizer até ser retirada de você… Muitas pessoas veêm o casasco de pele apenas como um casaco, mas a realidade é que dezenas de animais pagam com sua vida em nome da vaidade humana!

  6. 24/08/2013 10:27 PM

    parabens.

  7. paula permalink
    25/08/2013 7:07 PM

    oi acabei vindo aqui pois vi seu coment la na page da Laissa!
    assim q vi o ig dela( da religiosa) achei q ida dar bapho! estou chocada em saber do mercado de pele e das fazendas ai no BRASIL ( MORO EM NYC). nao sabia disso. mas seu post foi muito bem colocado, parabens!!

    • 26/08/2013 4:04 AM

      É uma loucura Paula!!! Quando vi os comentários no Face da Laissa fiquei chocada – isso que eu já tinha escrito esse post antes!
      É muito revoltante, né???

  8. Jessica permalink
    26/08/2013 3:54 AM

    Meu Deus!!!! Essas frases do lado da foto dela são as respostas dela aos criticos??? Que menina ridícula!!! Já não sigo ela faz tempo, porque uma criatura fútil e esnobe como ela não merece a atenção de ninguém. Não há boa aparência que salve um interior podre. Adorei seu post! Bjs

    • 26/08/2013 4:03 AM

      Simm, essas são as frases que “roubei” do Instagram dela… Mas ainda teve piores, viu?
      Fico feliz que gostou do post. Todos deveriam compartilhar para deixarem de seguir essa menina mimada…
      Mil bjs!!!

  9. Fernanda permalink
    31/08/2013 1:51 AM

    Sou vegetariana e contra qualquer tipo de uso de peles de animais na moda, não quero generalizar ao falar isso, mas muitas das pessoas que criticam a lala por estar usando peles de animais são as mesmas que adoram comer carnes. Me poupem né, vamos deixar de ser hipócritas e julgar os outros quando na verdade muitas de vocês não vivem sem carne.

    • 31/08/2013 5:28 AM

      Oi Fernanda, concordo com você também. Mas o que é ainda pior, é que muitos animais são mortos única e exclusivamente para o sustento desse mercado. É o caso das raposas, chinchilas, etc… Apesar de tudo, querendo ou não, a carne ainda faz parte das “necessidades” humanas. Porém usar a pele do animal como vestimenta ficou lá na pré-história. Por isso que gerou tanta polêmica. Pelo menos é esse o meu ponto de vista. E mais do que isso, achei errada a forma como ela se manifestou. Os argumentos fúteis que ela utilizou. Por isso tanta revolta – até das pessoas que comem carne. Enfim, agradeço seu comentário e obrigada por compartilhar seu ponto de vista. Beijos!

  10. jumma da cunha nunes permalink
    12/09/2013 8:14 PM

    Sem contar, a forma que os animais São mortos para uso da pele, vivos! Não justifica comparar consumo de carne com uso de pele!

  11. Carla permalink
    20/12/2013 4:17 PM

    seu post lavou minha alma! Um absurdo nos dias de hoje, com tanta tecnologia e pesquisa em produção têxtil, estilistas e consumidores se apegarem à peles como um “artefato fashion” sem uma mudança de postura nem demonstrar qualquer sensibilidade com a cadeia de penúria e sofrimento imposta a milhares de animais em nome da moda. Lamentável tanta pequenez e tanto egoísmo. Muita futilidade! Queria ver esses defensores de peles sendo esfolados pra ver se iriam gostar. Pimenta nos olhos dos outros é refresco!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: